Surpresa, um ano depois de São Tomé

Por Aender Borba

Passado pouco mais de um ano de minha viagem a São Tomé (África), ao abrir meu facebook, deparei-me com a seguinte notícia:

"Em Fevereiro de 2014, a ‪#‎STPDigital‬ publicava um artigo da qual dava a conhecer a denuncia de um psicólogo brasileiro sobre alegadas violações de menores no país, uma temática que ganhou protagonismo e mobilizou a sociedade civil. Em Abril de 2015 o Tribunal da Justiça de São Tomé e Príncipe condenou cinco reclusos por crime de sequestro e violação sexual de menores, entre a prática de outros crimes.

A #STPDigital sente está a cumprir a sua missão na sociedade santomense. " 

Não sei descrever o sentimento de que fui tomado ao ler essa notícia. 
Nunca sabemos a potencia e o alcance do que é fazemos impulsionados pelo desejo de responder à vocação.

Sinto-me realizado porque a denuncia produziu mudanças, ainda que pequenas, nas estruturas políticas daquele país. Espero que a sociedade civil continue se mobilizando para gerar mais transformações para aquele povo tão sofrido.

SDG!!

Leia o artigo aqui.

Tudo começou com o interesse em ouvir um pouco da história dessa linda garotinha! Nunca a esquecerei!