Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2010

TDAH

É interessante perceber que ao longo dos anos algumas doenças marcaram momentos sócio-históricos baseando-se nos conceitos de "normalidade" e "anormalidade". Afinal de contas, o conceito de "saúde" e "enfermidade" derivam  diretamente desses debates e variam de acordo com o contexto social em cada época e cultura.  Na Grécia antiga, por exemplo, a "loucura" era tratada como uma manifestação dos deuses, inclusive os ataques epiléticos eram nomeados como "doenças divinas".  Na Idade Média, as pessoas consideradas "loucas" eram reconhecidas  como possuídas por espíritos malignos e muitas chegaram a ser queimadas em fogueiras nas praças públicas. 
O que percebe-se, e é muito comum em nossos dias ainda, é que, enquanto algumas doenças não recebem nomes e/ou são catalogadas com reconhecimento médico internacional, elas são tratadas com total descaso pela comunidade médico-científica. Fica aqui minha primeira crítica àque…