Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2009

Algo sobre a morte...

Por Aender Borba

Esta semana minha família foi surpreendida com a notícia repentina do falecimento de uma pessoa muito querida para todos nós, minha avó paterna, Olímpia Bárbara de Borba. Aos seus 87 era uma mulher muito forte, lúcida, gostava de passear, de se divertir e de cuidar da aparência. Nasceu e se criou no interior de Minas Gerais e deixou um legado de 13 filhos (um deles faleceu ainda na infância), 20 netos e 13 bisnetos. Sem dúvida alguma uma vencedora!!!
Durante o tempo que aguardávamos pelo sepultamento, não pude deixar de observar a reação das pessoas velando minha avó dentro de sua própria casa.  Todos, obviamente, contristados com a morte dela, pois apesar da extensa idade, era algo impensável isso que acontecesse a ela tão "repentinamente".
Interessante como uma morte "não esperada" trouxe um certo conforto para todos. Digo "não esperada", porque o envelhecer e a morte ainda são tratados como grandes tabus. Os grandes avanços tecnológico…